Estudos feitos na Universidade de Liden (Holanda) prova que a partir dos 3 meses de idade, os bebês já se engajam num processo intenso de aprendizagem de noções rudimentares de biologia, física e aritmética. Observam o ambiente e as pessoas à sua volta e são capazes de adquirir conhecimentos com isso.

       As crianças desenvolvem mecanismos linguísticos antes mesmo de aprender a falar. Sabem que as palavras expressam um conteúdo. As crianças são mais sábias do que se pensava.

       O estudo mostra que os estímulos básicos de todos processo educacional, a aprovação e a reprovação dos trabalhos da criança, se dão em ideias diferenciadas:

       Dos 8 aos 9 anos aprendem com os elogios, mas não tiram lições das críticas negativas -simplesmente não dão ouvidos a elas em relação ao aprendizado.

       Na faixa dos 11 em diante, são capazes de aprender com os próprios erros, da mesma forma, que os adultos. Sabendo disso, vamos ajudá-los a autoanalisar seus erros como aprendizados, menos gritarias e mais e mais conversas com eles para fazerem diferente da próxima vez.

Abraço,

Marize Peron Amatucci

Psicoterapeuta

Diretora Fundadora