“Foram  dois meses em que jovens e crianças tiveram a oportunidade de se desenvolver”.

Com o final das férias, as crianças e jovens voltam com um novo olhar para o convívio em família. Emocionalmente, eles estão fortalecidos em diversos pontos, onde a criatividade fica livre para se desenvolver.

Resiliência, comprometimento, Afeto… tudo isso é intensificado nas férias:

Dormir na casa dos avós ou até mesmo na casa de um amigo é um excelente exercício. Lá eles estão convivendo em um ambiente com regras e funções diferentes do costume.

Em viagens com os amigos ou família, o horário das refeições, de tomar banho fica um pouco mais flexível e várias vezes, as crianças e jovens tem essa autonomia na decisão. Um excelente ponto de responsabilidade.

Talvez, tenha sido a primeira experiência dos pequenos em um novo país ou na Praia ou campo, isso desenvolve novas emoções e memórias afetivas.

Não viajou e ficou em casa? Isso também tem sua importância. São nessas horas, que os país conseguem enxergar como está o relacionamento com os filhos e como eles cresceram! Aspectos positivos podem ser vistos.